Prefeita de Camamu é multada pelo Tribunal de Contas.

O Tribunal de Contas do Estado da Bahia decidiu responsabilizar a prefeita de Camamu, Ioná Queiroz Nascimento (PT), pela falta de devolução de recursos não utilizados de um convênio entre a prefeitura e a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia. A quantia reclamada pelo tribunal é de R$ 10.649,01. O convênio foi firmado em 2008. A gestora recebeu multa de mil reais. Esse foi o mesmo valor da multa imposta ao ex-gestor do Fundo Estadual de Saúde, Egídio Borges Tavares Filho.


Comentários

Os comentários estão fechados.